'...onde você for vida me leva e todo sentimento me carrega'

.
Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Dedicado à ELA.

Difícil é assumir para si que o percurso natural da vida acontece de forma mais acelerada. Difícil é aceitar que o morrer se aproxima a cada novo amanhecer. Simples ações cotidianas vão se tornando batalhas a serem vencidas de uma guerra onde já se sabe que a vencedora desta sempre será ELA . Perceber que meu corpo, meu instrumento de sobrevivência, já não obedece aos meus comandos.... Agora sou escravo e comandado por ele, onde este diz a hora em que meus membros adormecem e Deus sabe a hora em que outras coisas pararão de funcionar.
Sei que paulatinamente, esta máquina que comandei, irá se desfalecer até um dia em que tudo se resumirá a um ponto final. Ao menos ainda me resta o comando dos meus pensamentos, dos meus sonhos, dos meus desejos e com isto posso ao menos sonhar com uma nova realidade.
Eu sei que minha sentença já esta traçada, mas aproveitar o que ainda me resta é uma das formas mas saudáveis e menos dolorosas de se ter alguma qualidade. A morte pode ser bem mais fácil do que se pensa, porem o apego é um dos maiores inimigos. Apego ao material, ao sentimental e a que ainda almejo ter.
Por fim, haverá o dia em que serei algo muito além desta carcaça que me rege.

Nenhum comentário:

Postar um comentário